Deus seja Louvado.
Portuguese Chinese (Simplified) Dutch English French German Hungarian Russian Spanish

Inscrições do Bolsa Universidade para o Escola da Família seguem até o dia 15

Se você quer participar do Programa Escola da Família, aproveite o período de inscrições para o Bolsa Universidade, que termina em 15 de março. As informações do termo de adesão, necessárias para o cadastro de novos membros, podem ser encontradas nesse link.

Para participar do programa, é preciso ter o Ensino Médio completo, ser maior de idade e estar matriculado em uma instituição de Ensino Superior que tenha convênio com o Secretaria da Educação do Estado de São Paulo e a FDE (Fundação Para o Desenvolvimento da Educação).

Todos os bolsistas devem apresentar projeto centrado em um dos 4 eixos do programa: saúde, trabalho, cultura e esporte. Mas, a gama de possibilidades é imensa, como contação de histórias, robótica, cultivo de hortas, dança, ginástica, esporte, artesanato e muito mais. Para participar, além do benefício próprio, possibilita o encurtamento da distância entre unidades escolares e comunidade. Além da aproximação, “quando a comunidade participa de sessões de cinema, de contação de histórias, de apresentação de peças de teatro, de oficinas de esporte, de dança, de ginástica, de artesanato, ela está dessa forma enriquecimento o seu repertório”, acrescenta Carmen Lúcia Bueno Valle, coordenadora geral do Programa Escola da Família.

As oficinas desenvolvidas no Programa Escola da Família não são apenas lúdicas, mas capacitam as pessoas para que consigam aperfeiçoar técnicas e alcancem melhores resultados até mesmo em suas atividades profissionais. “O curso de aromatizantes que o PEF ofereceu, proporcionou-me agilidade e conhecimentos para lidar com vendas, planejamento e compra de materiais, dicas para conquistar clientes e oferecer meus produtos com qualidade”, explica Ana Paula dos Reis Machado, participante da comunidade EE Prof.ª Aparecida Ferreira Dourado de Carvalho, da Diretoria de Ensino de Taboão da Serra.

O ex-educador universitário da E.E. Dona Noêmia Dias Perotto, da DE de Andradina, Eduardo Caires Silva, relata que “o curso de Jornalismo me concedeu a oportunidade de trabalhar com oficinas de leitura e aperfeiçoamento da prática de escrita. Assim, eu procurava transmitir a magia dos textos para aqueles que, muitas vezes, não se atinham a eles, bem como trazer o lúdico para transformar a leitura em algo prazeroso”, diz Caires Silva.

Outra lembrança bastante agradável é a do pequeno Alexandre Alves da Silva, que aos 13 anos se tornou um voluntário. Aluno da E.E. Profª Alcheste de Godoi Andia, da DE de Americana, Alexandre afirma que “quando começamos a fazer o Chá da Tarde, tive a sensação de que estava deixando muita gente feliz, porque percebia que ali existiam pessoas que não tinham condições de comprar nem os ingredientes. Via o sorriso no rosto delas, ouvia os elogios porque o prato ficou gostoso e percebia a vontade delas em querer comer de novo” relata o adolescente.

Atividades de lazer, esporte, cultura, artes e qualificação profissional integram o calendário de ações desenvolvidas em mais de 2,3 mil unidades escolares estaduais e municipais de 594 municípios paulistas aos fins de semana. As atividades com os novos bolsistas começarão no dia 3 de março.

Sobre o Programa

O Programa Escola da Família tem 14 anos de ações que integram escola e comunidade. Entre março e outubro de 2017, mais de 10 mil bolsistas desenvolveram trabalhos dentro da iniciativa, e as atividades são as mais variadas. É possível encontrar cursos de idiomas, mutirões de limpeza, cursos de artesanato e pintura, workshops, cursos preparatórios para o vestibular e oficinas de esportes que vão além do tradicional futebol.

 

 

Copyright © 2015 - Faculdade de Pindamonhangaba